Como a árvore Bonsai nos ensina sobre a importância da oração

Como a árvore Bonsai nos ensina sobre a importância da oração

Você já viu uma árvore Bonsai? Ela é uma árvore em miniatura que os japoneses cultivam há séculos. Ela é medida em centímetros, em vez de metros, como é comum em outras árvores. Ela não alcança todo o seu potencial de crescimento, mas cresce em uma forma atrofiada e miniaturizada.

O motivo para seu crescimento atrofiado é que, quando a planta emergiu do solo pela primeira vez, o proprietário a retirou, amarrou sua raiz principal e algumas de suas raízes de alimentação, e depois a replantou. Ao fazer isso, o cultivador limitou intencionalmente seu crescimento, restringindo a habilidade das raízes de se espalharem, crescerem profundamente e absorverem nutrientes suficientes do solo para um crescimento normal.

  • Para ler outros devocionais, clique aqui.

O que foi feito com a árvore Bonsai por seu dono é o que Satanás tenta fazer com o crente, se puder. Ele tentará amarrar nossa raiz de oração. Ele quer limitar o que recebemos em oração do que Deus fornece para nosso crescimento espiritual.

“Não andem ansiosos por coisa alguma, mas em tudo, pela oração e súplicas, com ação de graças, apresentem seus pedidos a Deus. E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará o coração e a mente de vocês em Cristo Jesus.”

Filipenses 4:6b-7

A oração é a nossa conexão com Deus. É a nossa fonte de vida, força, sabedoria, paz e alegria. É o meio pelo qual recebemos as bênçãos de Deus e expressamos nossa gratidão, adoração, confissão e súplica. É o canal pelo qual Deus nos fala e nos revela sua vontade. É a arma que usamos contra as tentações, as mentiras e os ataques do inimigo.

Sem oração, ficamos fracos, secos, confusos, ansiosos e tristes. Ficamos vulneráveis aos enganos e às ciladas de Satanás. Ficamos distantes de Deus e de sua presença.

Por isso, Satanás odeia a oração. Ele fará de tudo para nos impedir de orar. Ele nos distrairá com as coisas deste mundo, nos desanimará com as dificuldades da vida, nos acusará de nossos pecados, nos fará duvidar do amor e do poder de Deus, nos fará pensar que a oração é inútil, chata ou difícil.

Não podemos deixar que Satanás amarre nossa raiz de oração. Precisamos resistir às suas mentiras e investir tempo, energia e paixão na oração. Precisamos cultivar uma vida de oração constante, fervorosa e confiante. Precisamos orar sem cessar, em todo tempo, em todo lugar, por tudo e por todos.

Assim, cresceremos espiritualmente, como árvores frondosas, que dão frutos, que se estendem pelo céu, que abrigam os pássaros, que enfeitam a paisagem. Assim, glorificaremos a Deus, que é o nosso Criador, o nosso Pai, o nosso Amigo, o nosso Salvador, o nosso Senhor.

Você quer crescer na oração? Você quer se aproximar de Deus? Você quer vencer o inimigo? Você quer experimentar a plenitude da vida que Deus tem para você?

Então, em sua vida de oração, não seja como uma árvore Bonsai. Seja uma árvore frutífera. Ore, e veja o que Deus fará em você e através de você.

Filipenses 4:6-7:


Eu sou o Diego Gonçalves, teólogo e evangelista, e este é o meu blog www.diegon.org – “O Diário de um Jondô”. Aqui, reflexões teológicas diárias te esperam!

Todos os direitos reservados
© O Diário de um Jondô

S.B.CAMPO – SP

Avatar de Diego Souza

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diego Souza

Sou ministro na Igreja Holiness e amo escrever. Graduando em Letras pela UNIVESP, com Bacharel em Teologia pela UMESP e com pós em Novo Testamento pela EST, neste blog compartilho meus pensamentos sobre a vida cristã e o cotidiano, buscando conectar a fé com o dia a dia.